Céu de julho de 2011

Horoscopo UOL
Julho começa com um eclipse solar parcial no patriótico e popular signo de Câncer, no dia 1º. É o último da série de eclipses que tivemos nos últimos 30 dias, e seus ecos ainda se farão sentir nos próximos meses, especialmente para o Brasil, nas áreas de diplomacia internacional e finanças. O mês promete uma grande movimentação nestas férias escolares com Mercúrio e Urano em signos de elemento fogo. Um aspecto tenso com Netuno anuncia problemas com passagens de viagens, e podemos vislumbrar alguns contratempos na primeira semana do mês. Os planetas Mercúrio, Vênus e Urano inauguram o mês com aspecto positivo para o turismo internacional. Novidades no campo das comunicações aéreas devem ser disseminadas também no início do mês. A segunda semana de julho abre com a fase crescente lunar no artístico e social signo de Libra e favorece as artes visuais e a moda de maneira geral. O foco mais importante deste período do mês será a diplomacia internacional e o que o Brasil poderá fazer nesse jogo de proporções mundiais. Entreveros diplomáticos estão no horizonte para nosso país, assim como novos acordos que precisarão ser rediscutidos, melhorados e poderão criar amplo debate nacional. Até 12 de julho, Júpiter e Plutão somam forças, sinal de que não faltarão oportunidades para que a lei e o poder econômico pesem demais nas decisões internacionais. O esforço conjunto de empresas multinacionais será efetivo e terá grande peso na economia nacional em julho. Neste mesmo dia, comunicações importantes deverão ser feitas. As áreas de saúde, medicina e turismo terão novidades. Urano retrógrado a partir de 9 de julho aponta um retrocesso na política de popularização da tecnologia de informação e dá tempo para rever e aperfeiçoar medidas que possam melhorar meios de comunicação de massa baseados nas redes sem fio, por exemplo. Entre 11 e 15 de julho, situa-se um dos bons períodos do mês para aperfeiçoamento da economia e das finanças. Vênus e Saturno trazem a necessidade de um corte de gastos e obrigando a poupar mais do que gastar. Com a Lua cheia em Capricórnio, em 15 de julho, começa o período do ano propício para a formação de alianças no Senado e nas Câmaras. Se na primeira quinzena o governo federal esteve em foco por causa de assuntos ligados à diplomacia internacional, na segunda parte do mês o tema será reforçar, por meio de pontos práticos e concretos, o alcance de sua influência. É justamente aí que entra o papel estratégico do Senado e das Câmaras em composições mais fortes, pautadas por um pragmatismo que nada terá de ideológico. Entre 15 e 17 de julho, concentram-se os aspectos planetários mais difíceis para viagens e também para o mercado de ações e bolsa de valores no Brasil e no mundo. Quem quiser planejar viagens neste período deverá redobrar cuidados de planejamento. O Sol ingressa em Leão em 23 de julho e inaugura a fase de projeção internacional do Brasil num sentido positivo. Querelas anteriores poderão ser contornadas a partir deste período do mês e com muito mais brilho e desenvoltura por parte da diplomacia brasileira. Novidades pintam no ar entre 25 e 29 de julho, especialmente no campo da tecnologia e das invenções, mas aponta dificuldades aéreas e nas estradas. Especialmente aqueles que gostam de se embrenhar no mato, praticar esportes mais audaciosos ou fazer trilhas em locais ermos devem dobrar os cuidados para não se perder. No fim de julho, Vênus ingressa em Leão e sela novos acordos internacionais, tratados e alianças que favorecerão a economia e a política brasileira. No âmbito internacional, é notável a ênfase do eclipse solar em Câncer no início do mês sobre o mapa astral dos Estados Unidos, que sinaliza confronto de poder nos próximos meses para o país que verá diminuída sua esfera de influência em meio à crise. Poderemos também acompanhar o nascimento de uma força política e econômica internacional capaz de influenciar os rumos das decisões financeiras europeias. Nos países árabes, o fortalecimento de uma entidade capaz de fazer frente a pressões norte-americanas, na primeira quinzena, promete mudar um pouco o equilíbrio atual da economia mundial.



Horoscopo : O que fazer (e não fazer) quando Mercúrio está retrógrado
Signo do Mês : ESCORPIÃO 23/10 A 21/11
Duvida : O que é Lua fora de curso?
Horoscopo Uol : Vidente ensina oração para ter proteção na vida
por Marcelo Dalla : HORÓSCOPO DO DIA 30 DE JULHO-Aries
Horoscopo uol : Qual parte do corpo que mais atrai (Todos os Signos)
Horoscopo Uol : Gemeos
Por Eunice Ferrari - Terra Horóscopo : Escorpião
Uol - Horoscopo : Céu de agosto de 2011
Horoscopo UOL : Céu de julho de 2011

Publicidade